COMO FUNCIONA O CÁLCULO DO FATOR R DO SIMPLES?

Desde 2018, algumas atividades enquadradas no anexo III do simples nacional sofreram uma mudança para o anexo V devido ao resultado do fator r. Isso significa que essas empresas estão sujeitas a outra carga tributária.

Mas nem todas as atividades do anexo III estarão sujeitas ao fator r.

Por outro lado, todas as empresas enquadradas inicialmente no anexo V estarão sujeitas a tributação pelo anexo III durante o ano dependendo do resultado do fator r.

O que é o FATOR R?

Fator R é o resultado do cálculo entre folha de salários incluídos encargos, nos 12 meses anteriores ao período de apuração pelo simples nacional, que obtiverem receitas, e a receita brutal total acumulada nos 12 meses anteriores ao período de apuração.

Saiba mais:
https://lnkd.in/eNNWZqV